Google+ Followers

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Homenagem a Paulo Bueno

Hoje partiu para a próxima estação meu amigo Paulo Bueno. Antigo colega de trabalho e amigo pessoal, sempre foi um cara admirável. Inteligente, competente, pragmático, direto, honesto, trabalhador, confiável, companheiro, bem-humorado, questionador e com visão de futuro.
Profissionalmente criou e ajudou a criar idéias, conceitos e modelos de negócio consistentes e simples a partir de coisas complexas. Tinha entendimento da empresa, do negócio, das pessoas. Dizendo de maneira simples, era um "cara bom"!
Passei a admirá-lo ao conhecer seu caráter. Já o sabia um grande profissional. Mas ao dar-me conta de que por trás daquele cara meio sério e direto havia um sujeito bacana, que gostava de futebol, contava piada, chegado numa conversa inteligente e tinha um comportamento ético, então conheci a pessoa do Paulo.
Por algumas pessoas mal compreendido ou superficialmente avaliado, ele era muito mais do que a aparência ou o breve contato do dia-a-dia poderia sugerir. Era um cara leal, correto, ético e também bacana. Tenho pena dos que não tiveram a oportunidade de conhecê-lo melhor ou não tiveram a capacidade de entendê-lo, verdadeiramente. Tenho ainda mais pena daqueles que não souberam honrá-lo à altura. Perderam, muito.
O fato é que em todas as vezes que me lembro dele, o que me vem à mente é um sorriso largo, sincero, comunicativo, alegre. A visão de um cara determinado, consciente do 'mundo' e do seu papel nele, cheio de energia e com vontade de atingir seus objetivos. Um grande homem.
Caro Paulo, quero deixar registrada minha homenagem, admiração, respeito e a saudade que você deixa.
Um abraço, amigo.
Até breve.

Nenhum comentário:

Postar um comentário